Zahar

R$ 79,90
R$ 49,90

Ficha Técnica

Lançamento: 21/8/2014
Assunto: História
408 páginas
16x23cm
1ª edição
ISBN: 9788537812747
eISBN 9788537812846
Código: Z0998

Trótski

Exílio e assassinato de um revolucionário
                
Assunto: História

"Impossível parar de ler. Uma biografia fascinante e de tirar o fôlego." Financial Times

Absorvente e trágico, Trótski ilumina de forma brilhante a vida fatídica e dramática de uma das figuras mais fascinantes e centrais do século XX.

Baseado em vasta pesquisa original e com impressionante força narrativa, Bertrand M. Patenaude apresenta a trágica e fascinante biografia de Leon Trótski, tendo como ponto de partida seu exílio no México, entre 1937 e 1940, quando é assassinado.

O autor entrelaça magistralmente a história dos últimos anos de vida de Trótski com flashbacks de episódios cruciais de sua carreira como jovem marxista, herói revolucionário, chefe do Exército Vermelho, líder bolchevique, proscrito da URSS de Stálin e finalmente herege do Kremlin, marcado para morrer pela polícia secreta do regime.

Valendo-se da correspondência privada e dos diários de Trótski, bem como de testemunhos de seus guarda-costas e secretários e arquivos da KGB, Patenaude detalha as tumultuadas relações do líder revolucionário com o casal de pintores Diego Rivera e Frida Kahlo - que incluíram um caso amoroso com Frida - e sobre o tormento que viveu enquanto sua família e camaradas eram vítimas do Grande Terror promovido pelo stalinismo.

"Uma reconstrução impressionante dos últimos anos de Trótski. O híbrido de história e romance policial de Patenaude prende do começo ao fim. Com rara verve narrativa, ele relata os últimos anos da vida de um revolucionário, com seus ciúmes sexuais, paranoia e, finalmente, assassinato." The Sunday Times

"Bertrand Patenaude conta a história magistral de um homem brilhante e encurralado." The Wall Street Journal

"É um tributo à habilidade narrativa de Bertrand Patenaude que, embora saibamos como vai acabar, o livro não fica menos interessante nem deixa de ser absolutamente envolvente. O ritmo e a tensão são dignos de um filme de suspense de Hollywood." The Daily Telegraph

"Esse livro aprofunda e acentua o senso de tragédia que sempre acompanha a contemplação da vida do 'Velho' e sua última luta." Christopher Hitchens

"Um livro maravilhoso. Somente Vladimir Nabokov poderia ter escrito um relato mais apaixonante do fim de Trótski." The Times Literary Suplement

Compartilhe

Comentários

Adriana de Godoy

A leitura é muito gostosa mesmo, não dá pra parar de ler, parece um romance. Um dos melhores livros que já li, não somente pela importância histórica, mas pela narrativa brilhante! Zahar de parabéns pela edição impecável! Obrigada!

05 de Setembro de 2014

Lúcio Jr

Parece mesmo um livro fascinante, mas de forma algum definitivo. O professor Grover Furr, de Montclair State University, comprovou num texto de 2010 que Trotsky comprovou com os nazis e japoneses.

20 de Setembro de 2014

Comentar