Zahar

Blog da editora

Entrevista: Michael Ruhlman

02 de Junho de 2009
Em linhas gerais como foi a sua trajetória no mundo da gastronomia?
Eu comecei a cozinhar em casa quando tinha nove ou dez anos, a mesma idade de quando comecei a escrever. Depois de o meu primeiro livro ser publicado (sobre uma escola de garotos) eu precisava de um novo projeto. Eu já tinha escrito sobre chefs da minha cidade e muitos tinham ido para o Culinary Institute of America. Eu pensei em ir até lá e escrever um livro sobre o que você precisa saber para ser um chef. Acho que acabei me deixando levar.

O senhor tem larga experiência com gastronomia, escrevendo sobre o tema inclusive, os itens que compõem esse livro foram selecionados também através das principais dúvidas de leitores?
Essas são as minhas preocupações e o que eu acredito que todo bom chef deve saber, depois de ter ido para o Culinary Institute of America e de ter trabalhado com alguns dos melhores chefs dos Estados Unidos.

Com esse livro nas mãos e dedicação em praticar, qualquer interessado em cozinha pode se transformar num bom cozinheiro? Acredita que um bom cozinheiro, após a leitura, pode se especializar ainda mais?
Eu acredito que todo mundo que quiser ser um bom cozinheiro, poderá ser um bom cozinheiro. E eu acredito que todo bom cozinheiro que quiser ser melhor, pode ser um cozinheiro melhor, mesmo nos níveis mais altos da profissão. Você nunca pára de aprender. 

Nas páginas desse livro estão seus principais segredos para o sucesso na cozinha (como o caldo de vitela, por exemplo, e a lista de utensílios essenciais na cozinha)?
Estes são os elementos essenciais, os fundamentos, sem os quais nada de valor pode ser realizado, para citar Escoffier!
Categorias: Entrevistas