Zahar

R$ 34,90
R$ 19,90

Ficha Técnica

Lançamento: 24/9/2010
Assunto: Literatura
288 páginas
12x17cm
1ª edição
ISBN: 9788537802748
eISBN 9788537804032
Código: Z1379

Contos de fadas: edição bolso de luxo

Branca de Neve, Cinderela, João e Maria, Rapunzel, O Gato de Botas, O Patinho Feio, A Pequena Sereia
                
Assunto: Literatura

Uma charmosa edição de bolso para acompanhar pais e filhos pelo resto da vida. Em um só volume encadernado, as mais famosas histórias infantis, em suas versões originais, sem adaptações, de Grimm, Perrault e Andersen, entre outros. Nesses contos de fadas, bruxas, princesas, encantamentos e finais felizes!

O livro inclui:

Cerca de 90 pinturas e desenhos, muitos deles raros, de ilustradores célebres como Gustave Doré;

Biografia dos autores

A versão impressa apresenta capa dura e acabamento de luxo.

Compartilhe

Extras

Comentários

margot vilar

Esse livro é muito bom li o da minha colega vou comprar um pra mim claro papai tem muito dinheiro .

10 de Maio de 2014

stefany costa

esse livro é de veras fascinante .

12 de Maio de 2014

Edgar

Ali está escrito "em suas versões originais", isto é a, versão trágica da história?

12 de Novembro de 2015

Zahar

Edgar, nas versões em que as histórias foram publicadas originalmente. Em muitos casos são histórias mais trágicas que as adaptações mais contemporâneas.

08 de Dezembro de 2015

Diogo

Há tempos eu procurava algo assim: em um único livro, contos traduzidos (e não adaptados) com ilustrações, bom acabamento (cada dura) e preço acessível. Parabéns à Editora Zahar pela publicação dessa edição bolso de luxo. Excelente trabalho de Maria Luiza X. de A. Borges, que traduziu os contos diretamente dos originais (o final do livro traz as fontes).

04 de Abril de 2016

danielly monteiro

tem a da bela ea fera ?

29 de Maio de 2016

Zahar

Tem sim, Danielly.

30 de Maio de 2016

Aline

Os relatos originais me agradam muito.Acho as adaptações doces , válidas para nossos pequenos. Mas o tom sombrio dos originais me levam a Europa medieval e a minha querida Alemanha feudal. Parabéns Zahar.

18 de Outubro de 2016

Comentar